[1]
J. . José Serapião, “É POSSÍVEL MEDICAR? QUAIS DISFUNÇÕES?”, Rev. Bras. Sex. Hum., vol. 22, nº 2, abr. 2020.