AVALIAÇÃO DA ADEQUAÇÃO DE COMPORTAMENTOS SEXUAIS EM DEFICIENTES INTELECTUAIS

Autores

  • Ítor Finotelli Jr.

DOI:

https://doi.org/10.35919/rbsh.v23i2.204

Resumo

ste estudo foi desenvolvido em caráter exploratório com o objetivo de investigar a estrutura de uma escala para avaliação da adequação de comportamentos sexuais em deficientes intelectuais. A escala foi desenvolvida previamente ao estudo para mapeamento de comportamentos inadequados a convite de instituições especializadas no atendimento, prevenção e inclusão de indivíduos com essa deficiência. Para esse mapeamento, participaram 98 parentais de idades entre 33 e 74 anos, que são responsáveis por sujeitos com essa deficiência de idades entre 11 e 35 anos. As avaliações retrospectivas das aplicações forneceram à escala evidências significativas de funcionamento. Três dimensões interpretáveis foram extraídas e denominadas de “adequação de comportamentos sexuais”, “orientação e autonomia” e “discriminação entre público e privado”. As dimensões foram capazes de discriminar características da amostra a respeito do sexo e escolaridade. Ponderam-se limitações quanto ao tamanho da amostra, e apesar disso, os resultados foram favoráveis à busca de evidência de validade da escala, assim como seu aprimoramento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-04-01

Como Citar

Finotelli Jr., Ítor . (2020). AVALIAÇÃO DA ADEQUAÇÃO DE COMPORTAMENTOS SEXUAIS EM DEFICIENTES INTELECTUAIS. Revista Brasileira De Sexualidade Humana, 23(2). https://doi.org/10.35919/rbsh.v23i2.204

Edição

Seção

Trabalhos de Pesquisa