UM CASO DE EJACULAÇÃO RETARDADA EM PACIENTE COM TAG E TOC

A CASE OF DELAYED EJACULATION IN A PATIENT WITH GAD AND OCD

Palavras-chave: Ejaculação Retardada, Ansiedade, Obsessivo-compulsivo, Medicamentos

Resumo

A Ejaculação Retardada (ER) é um quadro pouco frequente para o qual não há consenso em relação ao tratamento medicamentoso. É fundamental que etiologias orgânicas sejam devidamente diagnosticadas e tratadas, como é o caso do hipotireoidismo, da deficiência androgênica e dos retardos devido à ação de medicamentos, dentre os quais, vários antidepressivos. Porém, muitos pacientes apresentam retardo ejaculatório e anorgasmia devido apenas a razões psicogênicas. Assim, o diagnóstico psiquiátrico é muito importante para a escolha da melhor abordagem medicamentosa para cada indivíduo. No caso clínico apresentado, o paciente tem sintomas de Transtorno da Ansiedade Generalizada (TAG) além do quadro sexual de ER, Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC) e antecedentes de Impulso Sexual Excessivo. Foram devidamente descartadas todas as possíveis causas orgânicas. Portanto, o tratamento medicamentoso exigia drogas que agissem na ansiedade generalizada e no TOC não piorando a ER e, se possível, melhorando-a. Como a ação da serotonina no receptor pós sináptico 5 HT2A tende a inibir o reflexo medular do orgasmo, foi escolhida a Mirtazapina (anti 5HT2A). Esta também ajudou a melhorar sua insônia pelo efeito anti-histamínico. A Buspirona foi acrescentada devido ao fato de ser um ansiolítico de efeito dopaminérgico, o qual pode melhorar tanto o desejo sexual eventualmente prejudicado pela Mirtazapina como a própria ER.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Arnaldo Barbieri Filho, Associação Brasileira de Psiquiatria

Médico psiquiatra, professor colaborador da pós-graduação em sexualidade humana da Faculdade de Medicina da USP de São Paulo, professor de psiquiatria da Faculdade de Medicina Barão de Mauá de Ribeirão Preto. 

 

Publicado
2020-12-30
Como Citar
Barbieri Filho, A. (2020). UM CASO DE EJACULAÇÃO RETARDADA EM PACIENTE COM TAG E TOC: A CASE OF DELAYED EJACULATION IN A PATIENT WITH GAD AND OCD. Revista Brasileira De Sexualidade Humana, 31(2). https://doi.org/10.35919/rbsh.v31i2.676
Seção
Relatos de Caso