SEXO, SEXUALIDADE E GÊNERO

Autores

  • Paulo Roberto Bastos Canella

DOI:

https://doi.org/10.35919/rbsh.v17i1.445

Palavras-chave:

Bissexualidade, determinismo sexual, transexualidade

Resumo

O gênero humano é constituído por seres diferenciados que se reproduzem sexuadamente e que trazem inerente uma bissexualidade que se impõe à partir da androginia nos mitos gregos até a bipotencialidade revelada pela indiferenciação dos embriões. O autor discorre sobre as diversas etapas evolutivas, quais sejam os chamados sexo genético, sexo gonádico, sexo somático, sexo legal, sexo de criação e sexo psico-social. Embora esteja presente um determinismo e uma diferenciação nos quais a biologia constrói indivíduos necessariamente de um dos dois sexos, macho ou fêmea, a bissexualidade se revela pela existência de comportamentos disfóricos em homens e mulheres como homossexualidade, travestismo e transexualidade. Assinala ainda o autor que a idéia de doença forjada pela medicina e pela psicologia para os transexuais levou a criação de etapas diagnosticas e terapêuticas legalmente exigidas para as correções necessárias quando os transexuais buscam tratamento pela trangenitalização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Roberto Bastos Canella

Professor Titular e Livre Docente de Ginecologia do Instituto de Ginecologia da UFRJ

Downloads

Publicado

2006-06-01

Como Citar

Roberto Bastos Canella, P. . (2006). SEXO, SEXUALIDADE E GÊNERO. Revista Brasileira De Sexualidade Humana, 17(1). https://doi.org/10.35919/rbsh.v17i1.445

Edição

Seção

Artigos Opinativos e de Atualização

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>